terça-feira, 16 de novembro de 2010




A FLOR DO DESEJO


Em meu sonho eu vejo a tua flor,
Impregnada de tamanho desejo.
Cubro teu corpo de úmidos beijos,
Junto da rosa vermelha do amor.

Uma jóia pende do ventre perfeito,
Que busco reter na minha memória,
Nesta assanhada tentativa inglória,
De poder levar-te para o meu leito .

Cobrindo a tua insensatez cativante,
Vejo uma calcinha branca rendada,
O que deixa a vontade mais aguçada,
Pela tua postura sensual, provocante.

Sabes como propor a sensualidade,
Com teus dedos na calcinha enfiados,
E os outros parecem que apontados,
Para o local onde mora a felicidade.

Ficas bem assim, impávida donzela,
Com este magnífico corpo malicioso,
Bem sabes, possuis um harmonioso,
Conjunto, o qual te torna tão bela.

Marco Orsi

2 comentários:

  1. LindoOoooo...
    Bom te ler!

    Renata Mangeon

    ResponderExcluir
  2. Muito caprichado teu blog com belas poesias!
    Parabéns, Marco Antonio.

    beijo carioca!

    ResponderExcluir