domingo, 14 de novembro de 2010

FONTE DO PRAZER


FONTE DO PRAZER

Amo-te pelo que és, mulher adorável,
Em teus braços um rei eu me sentiria,
E te juro que não passaria nenhum dia
Que não faríamos o amor, insaciável.

Encontro em ti, à fonte do meu prazer,
E busco sufocar no peito esta paixão,
Mas, não consigo disfarçar a emoção,
Estando a teu lado, dá para perceber.

Em teu encanto reside o meu sonhar,
E nele busco satisfazer a tua vontade,
Sentido em mim aquela ansiedade,
Que leva, então, meu corpo a levitar.

Nos não teríamos tempo para pensar,
Tal o envolvimento que em nós cabe,
E faríamos de tudo antes que acabe
Toda essa volúpia que nos faz delirar.


Marco Orsi
05.08.2010





video

Um comentário:

  1. Venho aqui amor,
    dizer que te amo
    muito mais,
    do que jamais
    poderia imaginar
    pudesse ainda amar.

    ResponderExcluir